Projeto-piloto para agricultura familiar tem adesão de 10 mil produtores

Projeto-piloto para agricultura familiar tem adesão de 10 mil produtores

FONTE: IstoÉ

Projeto-piloto para estimular a contratação de seguro rural teve adesão de quase 10 mil produtores do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Foram aplicados cerca de R$ 38 milhões em subvenção para a contratação de apólices de seguro rural em 2020, o que representou uma área segurada de aproximadamente 282 mil hectares e um valor segurado de R$ 937 milhões, informa o Ministério da Agricultura.

As operações ocorreram para as culturas de milho 1ª safra, soja, banana, maçã e uva, no âmbito do Programa de Seguro Rural (PSR). Segundo o ministério, a iniciativa teve a participação de oito seguradoras que comercializaram apólices em 11 Estados do País.

O diretor do Departamento de Gestão de Riscos, Pedro Loyola, do Ministério da Agriculturas, disse na nota que “ficamos contentes com os resultados alcançados, o número de interessados foi bastante significativo, isso demonstra que as contratações de seguro rural têm potencial para crescer junto a esse perfil de produtor, que em muitos casos ainda não conhece como funciona esse mecanismo de mitigação de riscos.

As contratações se concentraram nos Estados do Paraná (46%), Rio Grande do Sul (34%) e Santa Catarina (13%), mas também ocorreram nos Estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Pará, Roraima e Tocantins.

O projeto-piloto teve R$ 40 milhões disponibilizados para milho 1ª safra e soja e R$ 10 milhões para banana, maçã e uva. O porcentual de subvenção ao prêmio diferenciado (fixo) foi de 55% para milho 1ª safra e soja (55%) e 60% para as demais culturas.

Aves e suínos

O Ministério da Agricultura realizou na sexta-feira (4 de dezembro) uma videoconferência do projeto Monitor do Seguro Rural, dedicada ao seguro rural das atividades de avicultura e suinocultura. O objetivo foi avaliar e propor aperfeiçoamentos nos produtos e serviços ofertados pelas seguradoras, que estudam a criação de seguros para essas atividades com coberturas mais aderentes às necessidades dos produtores, informa o ministério.

O seguro rural de aves e suínos ainda é incipiente no PSR. “Foi uma oportunidade de os produtores e técnicos dialogarem com as seguradoras para compreender o desenho de novos produtos de seguro rural que podem ser ofertados a partir de 2021”, explica Pedro Loyola. Nesse caso, a subvenção é de 40% ao prêmio do seguro rural.

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *